Read In Your Own Language

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Custo Por Assento É O Maior de Todos os Tempos




Uma das melhores de ontem foi apresentada por Orlando Silva, o sinistro dos esportes e não o cantor. Num papinho sobre copa e estádios, o tapioqueiro apresentava um daqueles conjuntos de slides power point sobre o tema e algum espírito de porco vem e pergunta uma das coisas que mais doi nos ouvidos da corja: CUSTO.

"Quanto vai ser o custo por assento dos estádios brasileiros?", teria sido a pergunta atirada pelo repórter nos peitos do nosso comunista com a grana dos outros, tal qual uma lâmina afiada zunindo no espaço entre eles. Depois do Ki-Ki-Ki de sempre, Orlandão saiu com um número tirado da cartucheira "da ordem (Sic)" de R$ 10.500,00 médios. Eita danou-se...A média mundial mais cara está em torno de R$ 6.400,00.

O rapaz entendendo que cumpria seu dever de forma séria, fez uma segunda pergunta: mas por que tão caro. Pronto...Bastou isso e o adorador de farinha de mandioca torradinha na frigideira já começou a fazer piada: "o custo está alto por que "o Brasil passa por um momento de forte aquecimento da economia, com inúmeras obras do PAC e as 2 milhões de casas do Minha Casa, Minha Vida; e isso também se reflete no custo dos projetos para a Copa, pois estamos vivendo carência de meios executivos". Ha, Ha, Ha...Ótima né não?

Tio Orlando, fala sério vai! Os aditivos dos estádios ainda estão no meio do caminho e já aumentaram R$ 2 bilhões de janeiro prá cá. A maioria não passou de terraplenagem e você vem dizer que quase dobrou sem o "efeito emergência" que ainda vem por aí? Todos se lembram de seus Jogos PAN, orçados em R$ 400 milhões e que atingiram R$ 4 bilhões.

Na Copa de 2006, na Alemanha, os 12 estádios construídos e reformados, apresentaram um valor médio de R$ 7.145,00 por assento. Na Copa de 2010, o orçamento dos 10 estádios tiveram um valor médio de R$ 8.000,00 por assento. Pelas publicações realizadas no Brasil, para a Copa de 2014 os 12 estádios a serem construídos e reformados teriam um valor médio de R$ 7.513,00. Atualizando-se os custos já programados: o estádio da Fonte Nova terá um custo de R$ 11.820,00 por assento; o Mané Garrincha, em Brasilia, um custo de R$ 10.380,00; a Arena Pernambuco, um custo de R$ 10.380,00; a arena da Amazônia de Manaus, um custo de R$ 11.500,00 e o Maracanã, um custo de R$ 9.592,00, que representam valores muito superiores aos realizados naqueles paises que sediaram as Copas anteriores.

Mostramos a seguir alguns custos que conseguimos levantar. É muita grana...








Como muito samba há de se tocar ainda e nem começou a ser implantado o regime Diferenciado de Contratações - RDC, somos obrigados a nos preparar para que tais custos sofram mais reajustes.

2 comentários:

Velvet Poison disse...

Na minha terra, antigamente, as criancinhas (meninas) eram vestidas com calcinhas cheias de babados de renda. Chamava-se "bunda rica".

"Bunda Rica" é isso aí, agora. Na #Copula2014

Ajuricaba disse...

Putzgrila...Lembrei das calcinhas que minha irmã tinha ódio...Bunda rica é cróeu