Read In Your Own Language

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Fim de Governo, Fim de Farra.

O que Loola fez de 2002 a 2010 com a dívida externa e interna do Brasil?
Você ouve falar em DÍVIDA EXTERNA e DÍVIDA INTERNA em jornais e TV e não entende direito vamos explicar.
DIVIDA EXTERNA é uma dívida com os Bancos Internacionais, BID, BIRD, FMI e outras Instituições, no exterior em moeda externa.

DIVIDA INTERNA é uma dívida com Bancos e outras Instituições em R$ (moeda nacional) no país.

Então, quando LOOLA assumiu o Brasil, em 2002, devíamos:
Dívida externa = 212 Bilhões
Dívida interna = 640 Bilhões
Total da Dívida = 852 Bilhões

Em 2007 Loola disse que tinha pago a dívida externa. E é verdade, só que ele não explicou que, para pagar a dívida externa, ele aumentou a dívida interna.
Em 2007 no governo Lula:
Dívida Externa = 0 Bilhões
Dívida Interna = 1.400 Trilhão
Total da Dívida = 1.400 Trilhão

Ou seja, a Dívida Externa foi paga, mas a dívida interna quase dobrou.

Agora, em 2010, você pode perceber que não se vê mais na TV e em jornais algo dito que seja convincente sobre a Dívida Externa quitada.

Sabe por que? É que ela voltou...
Em 2010 no governo Lula:
Dívida Externa = 240 Bilhões
Dívida Interna = 1.650 Trilhão
Total da Dívida = 1.890 Trilhão

Ou seja, no governo LOOLA, a dívida do Brasil aumentou em 1 Trilhão!!!

Daí é que vem o dinheiro que o Loola está gastando no PAC, bolsa família, bolsa educação, bolsa faculdade, bolsa cultura, bolsa para presos, dentre outras mais bolsas...

E de onde tirou 30 milhões de brasileiros da pobreza !!! Não é com dinheiro do crescimento,
mas sim, com dinheiro de ENDIVIDAMENTO. Compreenderam? Ou ainda acham que Loola é mágico?

Quer mais detalhes,sobre dívida interna e externa do Brasil? Acesse o site: http://www.sonoticias.com.br/opiniao/2/100677/divida-interna-perigo-a-vista

Os brasileiros, vão pagar muito caro pela atitude perdulária do governo Loola,que não está conseguindo pagar os juros dessa "Dívida Trilhardária" tendo que engolir um "spread"(taxa adicional de juros) muito caro para refinanciar os "papagaios", sem deixar nenhum benefício para o povo, mas apenas DÍVIDAS A PAGAR.

A pergunta que não quer calar é:
Deelma vai continuar esta gastança? (Deelma já disse por todo país, que será a continuação do governo Loola...)


" O maior castigo para aqueles que não se interessam por política, é que eles serão governados pelos que se interessam." (Arnold Toynbee)

Brasil dos Mil Sotaques

A região nordeste do estado do Pará mais próximo à foz do rio Tocantins ao desembocar no rio Amazonas, sofreu forte influência de idiomas e sotaque de indígenas, portugueses, franceses e holandeses, desde a colonização da área. Mais recentemente, até migrantes do sul e centro-oeste e de origem libanesa. Essa característica se estende também ao leste do estado do Amazonas, nas cidades próximas à divisa, como Parintins, por exemplo.
Essa mistura deu origem a um curioso e absolutamente extraordinário sotaque e palavreado próprio, digno de admiração. Mas que também não deixa de ser muito engraçado e comentado naqueles estados.

Por exemplo, um exibidor de cinema recém-instalado via que suas sessões sistematicamente estavam vazias. Com a ajuda de amigos locais, descobriu que o problema não estava no conteúdo dos filmes e sim nos título dos mesmo. Adaptou e se deu muito bem. Veja porque.



  • Velocidade Máxima = Rápido pra Purra!

  • Duro de Matar = Escruto de Murrer.

  • Esqueceram de Mim = Me deixaro suzinho, mano.

  • Coração Valente = Curação presepeiro.

  • Free Willy = Tambaqui Porrudo.

  • Tubarão = Mapará que mata.

  • Tubarão II = Mapará que mata... De nuvo!

  • Titanic = Narfrágio do Fé em Deus IV.

  • Epidemia = Mina de Curuba.

  • Máquina Mortífera = Jegue Matador.

  • Fantasma = A Visage.

  • Querida, Encolhi as Crianças = Mulhé, as crianças tão gitiiiinha.

  • Corra Que a Polícia Vem Aí = Te abicora que os homem tão na Ilharga.

  • Priscila, a Rainha do Deserto = Bando de bicó alegre.

  • As Margens da Loucura = Na ilharga da duidera.

  • Tomates Verdes Fritos = Mandioca escruta e rançosa.

  • Rio Babilônia = Igarapé pervertido.

  • Amor Selvagem = Trepada no Maracapucu..

  • Poço das Vaidades = Olho d'água cheio de pavulage.

  • Splash, uma Sereia em Minha Vida = Spraxi, minha mulhé é um Curimatá.

  • A Gaiola das Loucas = Arapuca de fresco.

  • 9 1/2 Semanas de Amor = Um monte de trepadas!
    Genial não é mesmo?

Panos Quentes


Via Ucho.Info em 26.11.2010 - 6:59am Ver link no Final


Pano quente

Passadas as primeiras horas da chegada da polícia na Vila Cruzeiro, no subúrbio do Rio de Janeiro, autoridades e especialistas em segurança pública começaram a aparecer na mídia para explicações tão oportunistas quanto estapafúrdias. É verdade que ainda está em voga a teoria do artista plástico norte-americano Andy Warhol, de que todos têm o sacro direito a quinze minutos de fama, mas abusar do besteirol é demais. A mais insana das justificativas é que os traficantes da violenta favela carioca escaparam para o Complexo do Alemão de forma atabalhoada por falta de tática de fuga.
Trata-se de uma tentativa rasteira de ludibriar a opinião pública, pois ninguém fica parado planejando a própria fuga com um veículo de guerra no encalço. Se os traficantes empreenderam fuga de maneira não planejada pouco importa, pois o objetivo principal, a fuga, foi alcançado sem que a polícia tivesse se preocupado em cercar a saída para o complexo de favelas vizinho. Em outras palavras, se os bandidos entendessem de planejamento o baile imposto à polícia continuaria por mais alguns longos meses

Snipers - Atiradores de Elite


Nas cenas de perseguição vistas ontem no Rio de Janeiro, após o cerco das forças públicas e durante a fuga dos bandidos pelas ruelas que ligam os morros, muitos (inclusive eu) queriam uma ataque aéreo com helicópteros e torciam pelo extermínio em massa das falanges criminosas como forma de acabar com alguns e acelerar a "eficiência" da operação.

Claro que, retirada a emoção, manda a boa lógica que se siga os procedimentos legais, coisa que fizeram rigorosamente os policiais, que não contavam com efetivo suficiente para cercar completamente toda a área como explicaram especialistas em ações desse tipo; e que fixaram perímetros adequada e competentemente.

Se falhas houveram, não cabe aqui se comentar.

Observou-se que durante a fuga, alguns tiros foram disparados e que um meliante foi atingido, obrigando seus cupinchas a largarem suas funções para carregá-lo.

Tiros absolutamente dentro das normas e regras, chamados de estratégicos, e executados por Atiradores de Elite ou Snipers; coisa de homens e mulheres rigorosamente escolhidos e altamente treinados que usam armas de altíssima precisão, como a que vemos na abertura deste post, capazes de fazer disparos a centenas e até milhares de metros dos alvos.
Um dos mais famosos da história foi Vassili Zaitsev, um pastor em que se descobriu quase um Jedi, com um rifle nas mãos. Sozinho, em meio a uma Stalingrado destruida, matou mais de 450 alemães, instaurando o pânico entre o exército invasor. Depois da batalha escolheu e treinou os novos snipers que levaram a lenda adiante.
Hollywood registrou inúmeros personagens como esse em Círculo de Fogo (a estória de Vassily) e O Atirador, por exemplo. Recomendo assistir aos dois.
Na operações de guerra, alguns "cuidados" de operações policiais deixam de ser necessários e os acertos passam a ser questão de vida ou morte: o sniper que vê mais longe e é mais rápido no fim é o que sobrevive. No filme a seguir, registra-se a ação de snipers canadenses em ação no Afganistão. São imagens muito fortes, portanto recomendo assistir com cautela.

video

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Centro de Readaptação Penitenciária (CRP) de Presidente Bernardes


Post original de Ricardo Setti - link ao final


É um absurdo que a sucessão de ataques de bandidos que estão horrorizando o Rio de Janeiro desde domingo, causaram pelo menos 30 mortes, dezenas de veículos incendiados e dezenas de arrastões tenham sido ordenados de dentro de uma penitenciária federal, supostamente de “segurança máxima”, inaugurada com estardalhaço pelo governo federal em 2006 na remota Catanduvas, cidade de 10 mil habitantes a 476 quilômetros de Curitiba – e a mais de mil quilômetros do Rio –, no Oeste do Paraná.
Se essa é a “segurança máxima” que o Ministério da Justiça acha que deve existir num presídio, estamos mal.
Talvez as autoridades federais devessem consultar como funciona um presídio em São Paulo – este sim, de segurança máxima, o Centro de Readaptação Penitenciária (CRP) de Presidente Bernardes, encravado a 3 quilômetros dessa cidadezinha de 20 mil habitantes a 580 quilômetros de São Paulo, no extremo sudoeste do Estado.
Tudo isso se justifica pelos hóspedes que o Centro de Readaptação acolhe: de suas 160 celas individuais, 58 estão ocupadas pelo grosso dos cabeças e outros integrantes importantes de uma organização criminosa que abriga assassinos, traficantes de drogas e outros criminosos de alta periculosidade responsáveis, em 2001, pela maior rebelião coletiva de presídios da história do sistema carcerário brasileiro, que se alastrou por 29 estabelecimentos no Estado de São Paulo.

Helicóptero Apache - Alternativa para O Rio de Janeiro

A seguir, vê-se a ação de um helicóptero Apache. Seria uma excelente alternativa para a mobilização de hoje no Rio de Janeiro. Naquele instante em que a bandidagem estava entre os dois morros, no meio do mato; era só Pou, Pou, Pou.

video

Dia de Ação de Graças

Image and video hosting by TinyPic

Não sendo feriado, o brasileiro dá pouco ou quase nenhum valor ao Dia Nacional de Ação de Graças; mas ele existe e é hoje.

No ano de 1909, Joaquim Nabuco, embaixador do Brasil nos EUA assistiu à celebração do dia de Ação de Graças e, impressionado, declarou: "quisera que toda a humanidade se unisse neste mesmo dia, para um Universal agradecimento a Deus".

O presidente Eurico Gaspar Dutra instituiu o Dia Nacional de Ação de Graças, em 17/08/49. O presidente Marechal Castelo Branco o regulamentou no ano de 1965, oficializando a quarta quinta-feira do mês de novembro para a comemoração em todo território Nacional.

Em meio a tantos problemas vividos pelo Brasil nesta data, em especial pela população do estado do Rio de Janeiro, lembremo-nos de agradecer a Deus pelas infinitas Graças que nos concede a cada dia, não apenas sentando-nos em volta de um peru servido à mesa, mas elevando aos céus preces para que a vida se acalme.

Image and video hosting by TinyPic





New York Sitiada - O Filme?


Gente de Deus! Parece coisa de Hollywood: Nova York Sitiada era o nome do filme.
Equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e fuzileiros navais fazem uma megaoperação na região das favelas na Penha, subúrbio do Rio no final da manhã desta quinta-feira (25). Seis veículos blindados da Marinha e dois caminhões com fuzileiros deixaram há pouco o quartel de fuzileiros navais, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.
A expectativa é que os policiais se dirijam para a Vila Cruzeiro, onde bandidos armados se concentram. O comboio da polícia, com mais de dez veículos do Bope, chegou à região hoje cedo. O clima é de tensão na região.

Mais Uma Visita de Loola a Manaus

Amanhã 26/11/10, o presidente Lula vem mais uma vez ao Amazonas, estado que sempre lhe deu votações excepcionais, assim como à presidente eleita Dilma Roussef. A passagem se dará no retorno de uma reunião da UNASUL na Guiana.

Nas poucas horas que vai passar por Manaus, Lula vai inaugurar na BR 174 uma usina de geração de energia que foi convertida para usar gás natural como combustível e um conjunto habitacional com 800 casas populares, construído com recursos do Minha Casa Minha Vida. Lula ainda poderá visitar o Hospital da Mulher D. Lindú, que homenageia sua mãe (dele).

Cabe constar que o hospital já está pronto há algum tempo, e que já fazia parte do programa de expansão de unidades existentes do governo estadual, nada tendo a haver com PAC, PEC, PIC, POC ou PUC.
A usina está operando com máquinas ainda em caráter experimental, atendida sabe-se lá Deus como; já que os gasodutos ainda estão em obras, e em vários pontos da cidade ainda se convive com os transtornos da buraqueira que eles provocam. O gasoduto da Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) é a parte intermediária do suprimento do gás natural como combustível no Estado. Pouco ou nada se sabe do que foi a implantação do fabuloso gasoduto Coari-Manaus construído pela Petrobras no meio da selva, onde o presidente até fez uma soldinha.

Difícil conhecer porque os problemas de um gasoduto instalado em via urbana, foram tão grandes se o localizado na selva não causou nenhum problema. Ou conseguiram esconder muito bem!

Mas nem tudo é problema: a visita favorece os moradores das ruas por onde a comitiva presidencial vai passar. Uma maquiagem, quer dizer, uns "reparos básicos" estão sendo providenciados para mostrar o lado bonito da cidade. Outro que está feliz com a visita do presidente Lula é o gerente do Taj Mahal Continental Hotel: o lugar está tomado por policiais que ali se hospedaram e vão garantir a segurança presidencial pelas ruas de Manaus. Enquanto isso, a segurança da população deixa muito a desejar no Amazonas.



AH! Dizem que ele também vai dar uma olhadinha na obra da ponte. Aquela que já chegou em R$ 1 bilhão e está longe de ficar pronta; lembra? Veja mais em baixo.

Um Rápido Afastamento


Uma fortíssima e inusitada gripe me afastou do éter no dia de ontem. Um pouco melhor hoje, volto às informações.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Call Sign do Avião do Presidente


A partir de 01/01/2011 o "call sign" do Airbus presidencial como é chamado pelos controladores de vôo, muda de "Aerolula" para "Vassourão"!
Informação circulante no Twitter

Lula e Geisel, Iguais?

Excepcional artigo de João Melão Neto em Instituto Millenium (link ao final)

Meu caro Lula, agora que seus oito anos de governo estão chegando ao fim já dá para fazer um balanço realista do que foi obtido de concreto nesse período. Não há risco de que seus acólitos argumentem que tudo o que digo a seguir tenha finalidades inconfessáveis ou de fundo eleitoreiro. Você já logrou consagrar nas urnas a sua sucessora e nada mais pode mudar isso… Vamos, então, falar com franqueza.
Eu bem me recordo de ter tomado ciência de sua existência no longínquo ano de 1977, quando ingressei na faculdade e me entusiasmei com o movimento estudantil. Você já era uma celebridade, pois exercia o posto de presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo. Ao que tudo indicava, estava se iniciando – como nunca antes se vira neste país – um “movimento sindical independente”.
Nós, universitários, acreditávamos piamente em tudo o que você e os professores simpáticos à sua causa diziam. Mais do que acreditar, nós nos dispúnhamos a sair às ruas para manifestar o nosso desagrado com “tudo aquilo que estava aí”… Eram os tempos do famigerado “regime militar” – a “ditadura” que vocês não se cansam de execrar. O presidente de plantão era o general Ernesto Geisel e, bem me lembro, tudo o que ele fazia era recriminado no mesmo dia, em sala de aula.Agora, passado tanto tempo, dou tratos à memória e percebo que quase tudo o que vocês tanto repudiavam foi realizado quando chegaram ao poder. Não dá para “pedir meu dinheiro de volta”. Nós, então jovens, não investimos dinheiro em vocês. Muito mais que isso, investimos nosso tempo, nosso empenho e nossos sonhos nas suas causas. Essas coisas não há como recuperar.
Comecemos pela questão sindical: vocês alegavam que todos os líderes sindicais de até então eram “pelegos” – ou seja, faziam o jogo dos patrões e do governo. Já vocês eram diferentes. Pois bem, é com grande pesar que a gente se dá conta de que, de uns anos para cá, todas as centrais trabalhistas se uniram. E todas apoiam o governo… Cadê aquela altivez e a independência a que vocês se propunham?
Até mesmo a União Nacional dos Estudantes (UNE), que sempre foi de oposição, agora se declara a favor… Não foi para isso que, naquela época, a gente se empenhou tanto…

Conclua o texto lendo em http://www.imil.org.br/artigos/lula-e-geisel-iguais/

Rodeio de Eletricistas - Coisa Prá Macho

A terceira edição do Rodeio de Eletricistas, que aconteceu nesta terça-feira (23), em São Paulo, anunciou os primeiros ganhadores nas cinco provas que valiam pontuação. Entre os vencedores, teve aquele que fez a melhor interligação de transformadores e até o que instalou chaves fusíveis com maior habilidade. Tudo sem corrente elétrica, para ninguém se machucar.
Ao todo, 30 dos 195 competidores foram premiados nas atividades disputadas ao longo do dia.
Uma das provas exigia tanta habilidade do competidor que ele precisava cumpri-la de olhos vendados. Usando um óculos que não permitia ver nada, o eletricista precisava vestir todo o equipamento de segurança, da luva ao capacete, no menor tempo possível.

Rio 40 Graus - Filme de Nelson Pereira dos Santos 1955


Cantada em prosa e verso por suas extraordinárias belezas naturais, cultuada por 11 entre 10 brasileiros que adoram a amabilidade de um povo festivo, receptivo, alegre e majoritariamente ordeiro; a cidade maravilhosa de São Sebastião do Rio de Janeiro sofre nos últimos dias com insanos e inconsequentes ataques de terroristas urbanos que assustam e matam seus cidadãos, destroem seu patrimônio e põem em polvorosa os organismos de segurança.

Há pouco tivemos eleições nas quais a presidente eleita e o governador reeleito, pregavam aos quatro ventos as maravilhas advindas da implantação da Unidades de Polícia Pacificadora, um dos pilares da campanha de ambos, tido e havido como modelo a ser seguido e copiado Brasil afora.

É; parece que não foi tão bem assim.

Bem antes do período eleitoral, li diversas críticas ao sistema, colocando-os como enganos claramente fabricados para vender uma imagem que não seria possível, posto que se estaria deslocando os "donos de morro"; traficantes e demais meliantes, de uma base para outra, dentro da própria cidade ou para cidades e até estados vizinhos; e que, mais cedo ou mais tarde, eles estariam de volta.

Outras, e mais graves, denúncias, davam conta que haveria acordos entre a administração pública e os bandidos, para não se haver confrontos nas comunidades em que se implantava esse serviço.

Parando prá pensar, pouco ou quase nada, se ouviu falar de prisões e desarticulações de quadrilha, na implantação das UPP's.

Os fatos dos últimos dias comprovam que as teorias eram corretas e tais unidades podem não ter passado de estelionato eleitoral.

Daí a concluir que a utilização em larga escala do sistema, levará o caos a outras cidades, não é uma hipótese surrealista.

No mapa abaixo, atualizado pelo ex-prefeito César Maia, e mantido no Link disponível no google maps, pode-se ver um infográfico dos ataques.

Fernanda Abreu já alertava na letra de sua canção: "Rio 40 graus; Cidade Maravilha, Purgatório da Beleza e do Caos".

Deus permita que se ache uma solução para a situação e que não se transforme o maravilhoso Rio de Janeiro numa terra de bandoleiros.


segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Lá Vem a Conta

Deu na Folha de S. Paulo
Fatura oculta
Renata Lo Prete
Em intensa movimentação para reajustar os contracheques dos deputados federais e senadores, a cúpula da Câmara descartou na reunião de quarta-feira a ideia de alterar a Constituição para anular o efeito cascata que a medida terá no salário dos 1.059 deputados estaduais e 52 mil vereadores.
Com isso, o gasto extra anual ficará em pelo menos R$ 2,5 bilhões caso os congressistas equiparem seus vencimentos -hoje em R$ 16,5 mil- aos dos ministros do Supremo, que pleiteiam R$ 30,7 mil ao mês em 2011.
O custo adicional aos cofres públicos é equivalente a um aumento de cerca R$ 10 no salário mínimo.
A conta deverá ficar mais salgada, já que o cálculo é feito levando-se em conta 13 remunerações anuais nas Assembleias e Câmaras; e muitas seguem a prática do Congresso de pagar 15 salários/ano.
Além disso, o vencimento de assessores é, em alguns casos, vinculado ao do parlamentar.
Caso prevaleça a ideia de apenas corrigir os salários pela inflação acumulada, de 18,95% - tese por ora sem muitos adeptos no Congresso -, o salário subiria a R$ 19,6 mil e o gasto extra para governo, Estados e municípios cairia ao patamar de R$ 550 milhões.

E Ainda Duvidavam do Bispo...

Deu na Folha de S. Paulo
Água do rio São Francisco será a mais cara

Após transposição, nordestino deverá pagar R$ 0,13 por mil litros, enquanto valor médio nacional é de até R$ 0,02
Governo diz que terá de responder por captação e bombeamento da água e que preço se deve à complexidade da obra
Sofia Fernandes
Da torneira do nordestino atendido pela transposição do rio São Francisco vai pingar a água mais cara do país.
O Conselho Gestor do Projeto de Integração do São Francisco avalia cobrar dos Estados atendidos pela obra R$ 0,13 por mil litros de água.
O dinheiro será recolhido pela Agnes, estatal em gestação na Casa Civil. A empresa vai gerenciar as operações da transposição do rio e a distribuição da água para as previstas 12 milhões de pessoas beneficiadas.
O preço médio cobrado em outras bacias hidrográficas pelo uso da água é de R$ 0,01 a R$ 0,02 por mil litros. A Sabesp, por exemplo, paga R$ 0,015 ao comitê gestor da bacia do rio Piracicaba, fonte de metade da água consumida na cidade de São Paulo.
=========================================
Quando o Bispo de Barra (BA) Dom Luís Flávio Cappio dizia que as obras de transposição do Velho Chico eram (como são até hoje) mais um engodo do (des)governo do PT para iludir os nordestinos, era chamado de reacionário, louco e outras coisas menos elegantes.

domingo, 21 de novembro de 2010

A Ponte Que Partiu


Uma obra espetacular, mas absolutamente faraônica, adiável e substituível com louvor, por uma ótima frota de ferry-boats.
A obra está atrasada em 8 meses e acrescida em 97% até agora; mas ainda faltam ser contratados os sistemas de proteção contra acidentes de navegação, a iluminação funcional e arquitetônica e os sistemas de controle de fluxo de tráfego. Vejam no infográfico a seguir.
Na última vez que se lembraram de fazer, a conta já chegava em R$ 985 Milhões de Reais, e continuam somando. Deve vir por aí mais uns R$ 250 Milhões. Dava prá implantar uns 15 ferry's de primeiríssima linha com 1/3 disso.
O içamento das vigas dos pilares do vão central, que estava parado desde agosto, quando um acidente matou dois operários; foi retomado e deverá ser concluído para permitir a implantação dos tabuleiros e pistas de tráfego. Ainda restam por serem complementados os acessos em ambos os lados.
O secretário de administração da região metropolitana Renê Levy não arrisca mais nenhuma previsão: "não queremos divulgar uma nova data para não corrermos o risco de adiar novamente". Já houveram duas postergações.

Aguardemos, oremos e paguemos. Por aí ainda vem estádio, monotrilho e veículo leve sobre trilho, na esteira da copa do mundo.

Fonte: Jornal A Crítica, edição 20/11/2010

O Dia de Cristo Rei

Meu calendário mariano me avisa que hoje é o Dia de Cristo Rei. Fui ler para me informar mais sobre a celebração.
A festa de Cristo Rei foi criada pelo Papa Pio XI em 1925. Instituiu que fosse celebrada no último domingo de outubro. Na última reforma passou ao último domingo do ano litúrgico como ponto de chegada de todo o mistério celebrado, para dar a entender que Ele é o fim para o qual se dirigem todas as coisas.
A instituição pensada por Pio XI, tinha uma finalidade político-religiosa de mostrar o senhorio de Jesus sobre o mundo, acima das situações de ateísmo e falta de religião. Esta festa foi colocada, na reforma litúrgica, no final do ano litúrgico para dar a perceber que Cristo é o centro do universo e para Ele tudo conflui.
Cristo, diante de Pilatos se declara Rei da Verdade (“Tu és Rei?” Pergunta Pilatos diante no tribunal. “Tu o dizes, Eu sou rei. Para isso nasci e vim ao mundo, para dar testemunho da verdade. Todo aquele que é da verdade escuta minha voz” Jo 18,37). Ele conhece toda a verdade, por isso dá por ela a vida. A verdade é o desígnio do Pai de implantar no mundo o reino da misericórdia amorosa. Todo o povo de Deus é sacerdotal, isto é, está unido a Cristo para a transformação do mundo em um mundo que sirva a Deus no culto verdadeiro que procede de um coração que ama.
A confissão de fé mais antiga sobre Jesus Cristo é de que “Ele é o Senhor!” (Rm 10.9). Afirmar a messianidade de Jesus, afirmar que Ele é o Senhor é afirmar que Ele é o Rei dos reis e o Senhor dos senhores (Ap 19.16). Outra não foi a pregação de Jesus entre os seres humanos senão a chegada do Reino de Seu Deus e Pai. Por isso, afirmar Jesus como único Senhor foi a afirmação mais antiga da comunidade primitiva de Cristo Rei.
Ele é o Senhor supremo. Mas este senhorio celeste fundamenta-se na missão por Ele realizada. Jesus é o Senhor porque foi O vencido. Ele é o Senhor porque foi um homem de dores e que sabe o que é padecer. Ele é o Senhor porque Se humilhou até a morte. Ele é o Senhor, porque não teve por usurpação o ser igual a Deus. Ele é o Senhor porque baixou-Se para tornar-Se uma figura humana.
O Exaltado é o que foi Humilhado. O Entronizado é o que foi Rebaixado. O Rei dos reis é o que se fez Servo de todos.
Leituras: Daniel 7,13-14; Apocalipse 1,5-8; João 18,33-37
Fontes:
Eduardo Rocha Quintella
Ven. Arc. Rev. Carlos Alberto Chaves Fernandes