Read In Your Own Language

sábado, 3 de setembro de 2011

Coisas da Amazônia: Lanchas Escolares

Quando eu falo das peculiaridades de nossa região, os menos atentos devem pensar que seja invenção desse silvícola aculturado. Aqui na Amazônia, rio é estrada ou rua e barco é carro, ônibus e caminhão.

Essa semana começaram a entregar em larga escala cerca de 600 lanchas escolares encomendadas pela Marinha do Brasil, para transportar crianças ribeirinhas nos interiores e arredores das capitais até as suas escolas. Já haviam algumas unidades operando em caráter experimental desde o começo do ano, agora se completam as flotilhas.

As lanchas escolares foram desenvolvidas para o programa “Caminho da Escola”, com o objetivo de renovar a frota de veículos escolares, garantir conforto e segurança aos estudantes, contribuindo para o acesso e permanência dos alunos na escola, em especial, às comunidades que margeiam os rios da região amazônica. A operação conjunta com a Marinha assegura seriedade e profissionalismo ao projeto.De acordo com o FNDE, na Região Norte do país existem aproximadamente 180 mil crianças que precisam de transporte fluvial para chegar às salas de aula. Muitas delas vivem nas regiões ribeirinhas e vão para a escola em barcos a remo, feitos artesanalmente, sem nenhum tipo de segurança. Muitas vezes, tem que resistir a chuvas, ventos adversos, chegando cansadas à escola. Mas com o novo modelo de embarcação, se poderá chegar em qualquer área, em velocidades maiores e com mais segurança.
Os barcos são construídos em alumínio naval; com 7,30m de comprimento, cobertura fixa, com itens de segurança tais como coletes salva-vidas, extintor de incêndio, sirene, motores principal e auxiliar, luzes de navegação e faróis auxiliares, rádio comunicador e defensas laterais contra impactos. Pode transportar até 20 alunos, sendo um assento reservado para portador de necessidades especiais
Esperemos que seja o início de um novo tempo. Aquelas crianças que seguiam para as escolas em barcos pequenos, frágeis e perigosos, merecem um meio confortável e seguro de transporte escolar. Elas chegarão à escola de forma digna. Isso é cidadania. Aplausos a quem de direito.

2 comentários:

Alexandre - Caçador de iMundos disse...

Meu... que barato. Esse é o Brasil acima dos iMundos, o Brasil que eles temem.
Gostei desse post.

Sonia disse...

Que coisa incrível!
É o país de proporções continentais, que tem coisas que nós aqui na outra ponta nem imaginamos...
Eu, morria analfabeta, tal o medo de barcos que tenho, mas achei o post interessantíssimo e, finalmente, mais segurança e conforto pra que as crianças cheguem às escolas.
Muito legal!