Read In Your Own Language

terça-feira, 8 de maio de 2012

O Silêncio dos Inocentes


Cenas históricas se repetem. É o que se verifica sempre.
Em dezenas de casos acontecidos nas CPI ZZARIAS montadas no congresso nacional, se verificou a ridícula figura de parlamentares fazendo perguntas e seus inquiridos respondendo "recuso em responder no resguardo de meus direito constitucional de me manter em siêncio".
Uma escarrada no rosto da nação chocada com tantos escâncalos e que vê seus mínimos anseios de punição aos corruptos e corruptores e outros criminosos contumazes calados e impunes, serem jogados literalmente no lixo.
Pois não vai se diferente dessa vez.
Márcio Thomaz Bastos, o ex-ministro da Justiça de loola, e  que no momento exerce o sagrado dever de defender Carlinhos Cachoeira, cobrando prá isso a bagatela de R$ 15 milhões, conforme se diz por aí, já informou alto e bom som que seu cliente deverá repetir as sessões de vácuo sonoro ocorridas em outras CPIs. O mega-meliante será orientado por seu causídico a responder o berreiro que o cerca com uma ensurdecedora mudez.
A sequência também é conhecida: a defesa protocola um pedido de adiamento da oitiva pois o "contraventor e a dotozada" que advoga em seu nome precisam ter acesso aos dados sigilosos de posse da comissão. E já larga o alerta vermelho: "Se nós não tivermos acesso ao material, é muito difícil ele depor, pois irá se refugiar em seu direito de ficar em silêncio para não se incriminar, conforme previsto na Constituição".
Paralelamente, é feia uma campanha de ameaças de retaliações e/ou tiroteio com metralhadoras giratória poderosas, filmes, aúdios e congêneres. Basta ver o que a bela mulher de Cachoeira, Andressa Mendonça, fez semana passada: numa entrevista ela disse que Cachoeira estava muito nervoso e, acuado, poderia explodir. Dias depois já deu uma aliviada e disse que ele não vai prejudicar ninguém.
Lamentavelmente acho que assistiremos mais uma vez a sonoridade do silêncio. Porém, continuo pensando que isso é enormemente eloquente. Quem pergunta pega leve, quem responde fica calado. Prá mim, todos são culpados e pronto.
Li em algum lugar por aí que "certos silêncios merecem respostas barulhentas". Este cacique só tem essa página eletrônica, mas a usará com muita garra. Não aguento mai ser feito de idiota por essa corja de serrergonhas.
E que não me venha seu Demóstenes usar o mesmo artifício ou invocar aquela baboseira usada pela Jackie Roriz de que "os fatos que se apresentam contra ele ocorreram antes do atual mandato", tentando evitar a continuidade do processo.
Atualizando às 12:00 - O advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o glorioso Kakay, ameaça recorrer ao STF contra a decisão do Conselho de Ética do Senado de negar pedido para o parlamentar ter mais de 10 dias de defesa no colegiado.
"Foi descumprido o devido processo legal, mas a decisão política de recorrer será do senador. Eu sabia que o processo seria aberto, não tinha ilusão que o resultado não seria esse", afirmou.
Kakay disse também que Demóstenes é vítima de um "massacre político", mas pretende enfrentar as denúncias sem renunciar ao mandato. Todo mundo viu o próprio fundamento de alguns senadores que é o de dar resposta à sociedade. Nada é mais político do que isso."
Enquanto isso, o relator do processo, o senador Humberto Costa (PT-PE), quer ouvir o pilantro-empresário, que foi arrolado como testemunha de defesa do senador, estritamente sobre o caso Demóstenes.
Escolha seu recheio, porque a pizza é certa.

2 comentários:

marciagrega disse...

Se eu te falar que li tudo até o fim, estarei mentindo pra vc... É que meu estômago é muito sensível e esse tipo de coisa faz com que ele dê piruetas no ar..
Esse advogado de defesa dos criminosos é a coisa mais podre e mal cheirosa que eu já vi em toda minha vida....Me dá nojo, asco, falta de ar....Não vejo...Me recuso a ouvir qualquer notícia sobre isto! No fundo, já sabemos o resultado...Só nos resta esperar pela justiça Divina amigo!

Bjussssss

opcao_zili disse...

O Humberto Costa não é pernambucano? Pizza pernambucana de carne seca.
Todos sabemos no que dará tamanha sem vergonhice.
Todos os meliantes, dentro e fora da CPMI estão por cima da carne seca, meu amigo.